Hospital da Criança ultrapassa 3 milhões de atendimentos
Sexta, 22 de março de 201922/3/2019
(61) 99814-9639
cadastro
CIDADES
Hospital da Criança ultrapassa 3 milhões de atendimentos
Unidade de saúde especializada comemora 7 anos nesta sexta (23), Dia Nacional de Combate ao Câncer Infantojuvenil. Governador de Brasília visitou as instalações e participou da celebração do aniversário
Jander Brasilia - DF
Postada em 23/11/2018 ás 21h31 - atualizada em 03/02/2019 ás 21h31
Hospital da Criança ultrapassa 3 milhões de atendimentos

Com mais de 3 milhões de atendimentos desde a inauguração, em 2011, o Hospital da Criança de Brasília José Alencar comemora 7 anos de existência nesta sexta-feira (23), Dia Nacional de Combate ao Câncer Infantojuvenil.


Hospital da Criança comemora 7 anos nesta sexta (23), Dia Nacional de Combate ao Câncer Infantojuvenil. Acompanhado da esposa, Márcia Rollemberg, governador de Brasília visitou as instalações e participou da celebração do aniversário.


Foto: Pedro Ventura/Agência Brasília
Nesse período, foram mais de 487 mil consultas e 1,8 milhão de exames laboratoriais. A unidade de saúde especializada também acumula:


72.948 diárias de internação e de hospital-dia
20.910 transfusões de sangue
45.386 sessões de quimioterapia
Em junho, tornou-se o primeiro hospital público do Distrito Federal e pediátrico da região Centro-Oeste a receber o certificado de acreditação hospitalar da Organização Nacional de Acreditação.


O governador Rodrigo Rollemberg visitou as instalações e participou da comemoração do aniversário nesta manhã. “O Hospital da Criança é o maior exemplo de que, quando deixamos questões menores para trás e quando a cidade se une em torno de um objetivo comum, todos ganham”, discursou o chefe do Executivo local, , acompanhado da esposa e colaboradora do governo, Márcia Rollemberg.


A cerimônia foi marcada por agradecimentos. O diretor-presidente do Instituto do Câncer Infantil e Pediatria Especializada (Icipe), Newton Alarcão, em referência à idade do hospital (7 anos), listou sete pontos importantes dessa trajetória, a exemplo do cumprimento de metas quantitativas e qualitativas.


"Nada disso adiantaria se não tivéssemos a equipe comprometida e apaixonada que temos no Hospital da Criança"
Renilson Rehem, superintendente executivo
O trabalho e o empenho de diferentes pessoas e setores foram destacados pelo secretário de Saúde, Humberto Fonseca, pela presidente da Assistência às Famílias de Crianças Portadoras de Câncer e Hemopatias (Abrace), Maria Ângela Marini, e pelo superintendente executivo do hospital, Renilson Rehem.


“Nada disso adiantaria se não tivéssemos a equipe comprometida e apaixonada que temos no Hospital da Criança. É isso que mais me emociona”, pontuou Rehem.


Em nome dos pacientes, durante a solenidade, duas crianças entregaram cartas de agradecimento às autoridades presentes.


Unidade de internação do Hospital da Criança ativa 70 leitos
Nesta semana, o Hospital da Criança ampliou a capacidade de internação ao ativar 70 leitos da unidade de internação, cujas obras foram entregues em julho. Os primeiros pacientes são crianças e adolescentes que estavam internados no Instituto Hospital de Base.


Desse total, 30 acomodações são para onco-hematologia, 30 para outras especialidades e 10 de unidade de terapia intensiva (UTI).


Quando todos forem ativados, o Hospital da Criança contará com 220 leitos, dos quais 20 na unidade ambulatorial, para internação de hospital-dia, e os demais na unidade de internação.


Essa ativação segue cronograma com foco na garantia da segurança do paciente.


Parte da rede pública de saúde do DF, o Hospital da Criança é administrado pelo Icipe, associação de direito privado, sem fins econômicos ou lucrativos, criada pela Abrace.


O aniversário da unidade também foi marcado pelo primeiro Congresso Brasileiro da Criança com Condições Complexas de Saúde, que ocorre no hospital até hoje para reforçar o compromisso com o estímulo ao ensino e à pesquisa.


EDIÇÃO: RAQUEL FLORES

FONTE: Agência Brasília
O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

500 caracteres restantes

  • COMENTAR
    • Prove que você não é um robô: