Saúde vacina mais de 607 mil pessoas na campanha contra influenza
Quarta, 26 de junho de 201926/6/2019
(61) 99814-9639
PI 4013
CIDADES
Saúde vacina mais de 607 mil pessoas na campanha contra influenza
Dados parciais correspondem a 77% do público-alvo imunizado. A partir de segunda-feira (3/6) doses serão destinadas a toda a população
Jander Brasilia - DF
Postada em 01/06/2019 ás 23h20 - atualizada em 02/06/2019 ás 23h20
Saúde vacina mais de 607 mil pessoas na campanha contra influenza

Os dados parciais da área técnica da Secretaria de Saúde registraram um total de 607.905 pessoas vacinadas contra a gripe no Distrito Federal até o momento, o que correspondeu a 77% do público-alvo imunizado. A Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza terminou na sexta-feira (31/5) para os grupos prioritários. A partir de segunda-feira (3/6), conforme determinação do Ministério da Saúde, as doses restantes serão destinadas a toda a população.


Dentre o público-alvo, os idosos representaram a maior cobertura vacinal ao longo da campanha, atingindo 100,2% até o momento, com 204.144 imunizados. Os funcionários do sistema prisional ficaram em segundo lugar, com 89,3% de cobertura e 21.558 vacinados. Em seguida, as crianças de seis meses a menores de 2 anos, com 76,2%, representados por 49.564 imunizados.


Os militares representam a menor cobertura, com 56,5% e 16.212 vacinados. Depois, as crianças na faixa etária de cinco anos, que tiveram 59,7% de cobertura vacinal, com 23.786 imunizados.


“Essa estatística vai subir mais. Terão doses que entrarão no balanço, e talvez algumas salas de vacinação vão abrir no sábado (1º/6), imunizando os grupos prioritários. Então, somente na segunda-feira (3/6), teremos os dados definitivos”, frisou a gerente da Imunização do DF, Renata Brandão.


Prevenção


A Secretaria de Saúde do Distrito Federal alerta que a imunização é uma das medidas mais efetivas para a prevenção da gripe grave e suas complicações. Por isso, as pessoas integrantes do público-alvo da campanha de vacinação contra o vírus influenza devem procurar, o quanto antes, as unidades básicas de saúde (UBS) mais próximas de suas residências para serem vacinadas.


O objetivo do Ministério da Saúde era alcançar 90% do público-alvo, composto por crianças de seis meses a menores de seis anos de idade, gestantes, mulheres com até 45 dias após o parto, idosos, professores, profissionais da saúde, população de encarcerados, portadores de doenças crônicas, indígenas e, ainda, bombeiros e policiais civis e militares da ativa. A vacina se destina, também, aos adolescentes e jovens com idade entre 12 e 21 anos em medida socioeducativa.


Secretaria de Saúde
Secretário de Saúde, Osnei Okumoto participou da abertura do Dia D de Vacinação contra o Influenza.
Meta


A meta para o DF era imunizar 778.627 pessoas durante a campanha, o que equivale a 90% da população que se enquadra nas regras estabelecidas pelo Ministério da Saúde.


Em todo o Brasil, era esperado vacinar 59,4 milhões de pessoas até o dia 31 de maio. No entanto, até esta segunda-feira (27), 42,5 milhões haviam sido imunizadas, conforme os dados do governo federal. O número equivale a 71,6% do público-alvo.


Vacinas


A vacina preparada para 2019 teve alteração em duas das três cepas que a compõem, e protege contra três subtipos do vírus da gripe, o H1N1, o H3N2 e influenza B, que mais circularam no último ano no Hemisfério Sul, segundo indicação da Organização Mundial da Saúde (OMS).


De acordo com a área técnica da Secretaria de Saúde, a vacina contra a gripe é segura e reduz as complicações capazes de produzir casos graves da doença.


As vacinas utilizadas pelo Programa Nacional de Imunização (PNI), durante a campanha, são constituídas por vírus inativados, fracionados e purificados. Portanto, são totalmente seguras e não causam a doença.


 


*Com informações da Secretaria de Saúde

FONTE: *AGÊNCIA BRASÍLIA
O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

500 caracteres restantes

  • COMENTAR
    • Prove que você não é um robô: